domingo, julho 5

Anti-Stress

Passado não-sei-quantos anos, voltei a andar em carrinhos de choque. Arranjaram-me uma ficha e lá fui eu. Que coisa bonita! Ao som do Dance Mania 94 aventurei-me junto da família saloia, e verifiquei que não há coisa melhor para o stress que embater o nosso carrinho num matarro. Ele é matarro vaidoso, matarro bad boy, matarro que pensa que não é matarro, matarro natural.... não há coisa melhor: ir contra um matarro! Descarregamos o que de mau há em nós no carro do matarrinho. No final sentimos uma sensação de bem-estar e de retorno à calma. Aconselho a todos os monges tibetanos a vivenciarem tal experiência. Só faltou o incenso.

3 Bitaites:

MMM. disse...

Aqui há uns tempos estive quase a reviver tal memória..!
Mas desisti perante uma população de matarros densa e cheirosa... ;)

Cátia disse...

Nem sabes o quanto me identifiquei com este post! Eu tb n andava de carrinhos de choque há anos e tb fiz o mesmo q tu e graças a esses matarros parti o vidro do ecrã do meu telemóvel. 'Ah e tal vamos bater no carro das meninas'. Se eu já odiava matarros....

SinemaS disse...

E logo por azar fui embater o meu carro no teu!!! MATARRO!!! Ahaha... Não há melhor anti-stress do que isso. Familia saloia???? Txiii... Ser saloio ainda é o menos, agora ter-te como familiar? JAMAIS! ehehe